Hidratação na prática de atividades físicas

24/02/2017 - 12:10 Por:

Categoria(s): Qualidade de Vida, Sem categoria

Contribuição enviada por Daliane Batista Cardoso*

Nosso corpo perde muita água e sais minerais quando realizamos atividades físicas. A intensidade dos exercícios, assim como, a temperatura ambiente determinam a quantidade de líquidos perdida. Essa perda ocorre principalmente através da transpiração.
A atividade física é fundamental para a manutenção da saúde e da qualidade de vida. E para uma boa performance durante os exercícios físicos é necessário fazer uma boa hidratação, além é claro, alimentar-se corretamente.
Seja no inverno ou verão o nosso corpo precisa da mesma quantidade de água por dia. E claro que nos dias quentes se sente uma necessidade maior de beber mais água.
Todo mundo já sabe que precisa beber no mínimo 02 litros de água por dia, e que todo líquido perdido precisa ser reposto. Qualquer diferença entre essas quantidades pode acarretar desde cansaço, problemas intestinais até as dolorosas cãibras causadas pela desidratação.
A ingestão de líquidos é uma prática nutricional extremamente necessária para quem pratica exercícios físicos e principalmente sob temperaturas mais quentes ou úmidas.
É comum perder de 5% a 8% do peso corporal em uma atividade física mais pesada e ainda sob forte calor. Se essa perda não for reposta pode acarretar danos à saúde resultando em dores de cabeça, tonturas, desmaios, visão escurecida entre outros.
Como exemplo, para se ter uma ideia, considerando uma pessoa de 70 kg uma perda de 5% equivale a 3,5 kg resultando numa queda de rendimento em torno de 25%.
Por isso, a hidratação é tão importante, seja para um esportista de final semana e principalmente para um atleta profissional.
Recomenda-se carregar junto com você durante as atividades físicas uma garrafinha de água. Afinal a sensação de sede é o primeiro sinal de que você está começando a desidratar.
Lembre-se sempre de consultar um profissional de educação física para praticar as atividades e exercícios de forma adequada.

Fonte: Site Saúde e Esporte
* Educadora física, parceira da GeroVida no envio de artigos para o blog.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Cipó escada ou Escada de macaco

22/02/2017 - 14:18 Por:

Categoria(s): Ervas Medicinais, Terapias Complementares, Tratamento de Doenças

Nome científico: Bauhinia splends
Indicações: as folhas e cascas são usadas para lavar toda espécie de feridas e úlceras e também para combater caspas. O chá é benéfico para os rins e a bexiga. Combate reumatismo, artrites e artroses, hérnias de disco, sífilis.
Contra-indicação: pessoas que tem incontinência urinária.
Toxicidade: 1%.
Poder curativo: 41%.
Fonte: Livro “Existem doenças incuráveis?”, de Jaime Brüning, 2003, p.104.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Palestras | GeroVida

17/02/2017 - 8:11 Por:

Categoria(s): Dicas, Doenças e problemas de saúde, Educação, Gerontologia, Palestras, Qualidade de Vida, Reflexão, Sem categoria, Terapias Complementares, Tratamento de Doenças

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Diagnóstico e Tratamento dos Transtornos de Humor em Idosos

15/02/2017 - 15:01 Por:

Categoria(s): Gerontologia, Sugestão de leituras

Sugestão de Leitura 223
Diagnóstico e Tratamento dos Transtornos de Humor em Idosos
Autores: Cássio M. C. Bottino, Sergio Luís Blay e Jerson Laks.
Ano: 2012
Editora: Atheneu

A obra aborda os principais aspectos da epidemiologia, psicopatologia, etiologia e neurobiologia, diagnóstico diferencial, tratamento farmacológico e psicossocial dos transtornos do humor (transtornos depressivos e transtorno afetivo bipolar). São abordados em profundidade também as condições clínicas comórbidas que interferem com o tratamento e as estratégias de prevenção desses transtornos em pacientes idosos.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Treinamento: Praticando a HQI

13/02/2017 - 8:41 Por:

Categoria(s): Homeostase Quântica Informacional, Terapias Complementares, Tratamento de Doenças

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Canção do Exílio | Gonçalves Dias

10/02/2017 - 9:55 Por:

Categoria(s): Arte, Poesia, Reflexão

Canção do Exílio

Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá;
As aves, que aqui gorjeiam,
Não gorjeiam como lá.

Nosso céu tem mais estrelas,
Nossas várzeas têm mais flores,
Nossos bosques têm mais vida,
Nossa vida mais amores.

Em cismar, sozinho, à noite,
Mais prazer encontro eu lá;
Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá.

Minha terra tem primores,
Que tais não encontro eu cá;
Em cismar — sozinho, à noite —
Mais prazer encontro eu lá;
Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá.

Não permita Deus que eu morra,
Sem que eu volte para lá;
Sem que desfrute os primores
Que não encontro por cá;
Sem qu’inda aviste as palmeiras,
Onde canta o Sabiá.

(Gonçalves Dias)

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Palestra: Homeostase Quântica Informacional

8/02/2017 - 15:02 Por:

Categoria(s): Homeostase Quântica Informacional, Palestras, Terapias Complementares, Tratamento de Doenças

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

A Terapia Intensiva e o Paciente Idoso

6/02/2017 - 8:44 Por:

Categoria(s): Gerontologia, Tratamento de Doenças

A criação de áreas hospitalares especializadas no tratamento de pacientes com estado de saúde crítico foi possível devido aos avanços nas técnicas de monitoramento, ventilação mecânica e reanimação cardiorrespiratória. Diante da alta complexidade dos recursos utilizados, os custos também são elevados.
Diversos estudos mostram que o paciente idoso tem maior mortalidade em Centro de Terapia Intensiva (CTI) ou Unidade de Terapia Intensiva (UTI). No entanto, o fator determinante para a maior mortalidade é a gravidade da doença apresentada. Além da gravidade, os principais fatores de risco são a funcionalidade, a cognição e a presença de outras doenças.
A funcionalidade é importante como medida de avaliação do sucesso do tratamento. A internação intensiva não é só para manter o paciente vivo, mas também é de mantê-lo com suas capacidades para que retorne a uma condição de saúde satisfatória.
A eficiência e a rapidez do atendimento dentro da terapia intensiva aumentam a chance de alta e aperfeiçoam a terapêutica para o idoso. Deve-se fazer o todo o possível para que o paciente seja atendido fora do CTI ou da UTI , mas quase se determina a indicação do tratamento intensivo, a transferência deve ser feita com a maior precocidade e deve-se utilizar todos os recursos disponíveis.
Os critérios de admissão e de permanência variam de acordo com cada serviço. É importante que a família participe de todas as fases, discutindo o motivo da transferência, expectativa e agressividade do tratamento, sobrevida e prognóstico. A interação de toda a equipe é fundamental para o direcionamento e o sucesso do tratamento.
A equipe inter e multiprofissional é essencial para a boa evolução do paciente idoso e o menor tempo de internação. Deve ter a participação do intensivista, do médico específico do paciente, do enfermeiro, do fisioterapeuta, do fonoaudiólogo, do gerontólogo, do nutricionista, do psicólogo, do assistente social e do assistente religioso. É importante o respeito profissional, a integração, a comunicação e o envolvimento dos familiares no tratamento e nas decisões a respeito do prognóstico do paciente idoso.

Referência:
Maria do Carmo Sitta, Wilson Jacob Filho e Jos̩ Marcelo Farfel. O idoso no Centro de Terapia Intensiva. In: FREITAS, E. V.Tratado de Geriatria e Gerontologia, 3 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, cap.110, pp.1242 Р1246, 2011.
Por: Roberta dos Santos Tarallo.
Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Eventos GeroVida

3/02/2017 - 9:25 Por:

Categoria(s): Curiosidades, Cursos, Dicas, Doenças e problemas de saúde, Gerontologia, Homeostase Quântica Informacional, Palestras, Qualidade de Vida, Reflexão, Sem categoria, Terapias Complementares, Tratamento de Doenças

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Cipó-açougue ou Cipó-azougue

1/02/2017 - 10:59 Por:

Categoria(s): Ervas Medicinais

Nome científico: Apodanthera smilacifolia
Indicações: Ótimo para quem tem incontinência urinária, enurese, reumatismo. É depurativo. Combate doenças de pele, escabiose, dores nos ossos, herpes e aids.
Contra-indicação: pessoas com pressão alta e urina presa.
Poder curativo: 47%.
Fonte: Livro “Existem doenças incuráveis?”, de Jaime Brüning, 2003, p.104.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Página 1 de 18512345...102030...Ultima página »