Herpes simples, zoster e circinado

8/02/2011 - 13:31 Por:

Categoria(s): Doenças e problemas de saúde, Terapias Complementares

São três tipos diferentes de herpes causados por vírus, os quais atacam qualquer parte do corpo, mas quando atacam os olhos são muito perigosos.

Causas:

- falta de imunidade;

- sangue sujo, do contrário isto não aconteceria, pois a pele é um reflexo de como estão o sangue e o tubo digestivo;

- más digestões, fermentações pútridas dos intestinos.

Tratamento:

- é preciso ter bem claro que herpes não é doença, mas sim defesa orgânica, pois o sinal está na pele, mas a impureza está dentro do corpo e se lança para a pele. Portanto, não basta tratar por fora;

- também não adianta tratar o herpes de uma pessoa que tenha parceiro sexual, pois se trata de uma doença sexualmente transmissível, portanto o parceiro precisa se tratar também;

- é preciso fazer uma desintoxicação orgânica, uma limpeza do sangue. O jejum muito ajuda para isso.

a) Herpes simples: é realmente a mais simples de tratar. Basta usar chá das plantas bardana, calêndula, carobinha do campo, entre outras.

b) Herpes zoster: é mais forte do que a anterior e além das plantas acima é bom usar alguma mais forte como, por exemplo, chá de bugre, chapéu de couro, cipó-açougue, entre outras.

c) Herpes circinado: é um pouco mais forte, mas o tratamento é o mesmo do herpes zoster.

Também é importante lavar-se duas vezes ao dia com chás fortes dessas ervas, sobretudo agrião, cavalinha, cipó-açougue, entre outras.

- Aplicar argila com o chá de cipó-mil-homens no herpes é importante, pelo menos por três horas diariamente;

- Aplicar diretamente sobre as partes afetadas a tintura de própolis ou então o óleo de copaíba.

OBS.: não esquecer de tratar o parceiro(a) sexual.

- Levantar a imunidade.

Do livro “Existem doenças incuráveis?”, de Jaime Brüning, 2003, p. 218-219.

Caro leitor, nosso blog se preocupa com a saúde e o bem estar de todas as pessoas. Desenvolvemos um trabalho na área de terapias complementares, porém gostaríamos de salientar que qualquer tratamento aqui sugerido não dispensa uma orientação médica ou qualquer orientação na área que você esteja precisando. Isto significa que os tratamentos com argila terapêutica e outros devem complementar o tratamento já realizado, mantendo sempre o acompanhamento médico. Além disto, sugerimos que aquelas pessoas que já estão em tratamento e que resolvam usar algum tratamento complementar, que comuniquem o profissional que acompanha seu caso.

Atenciosamente,
Equipe GeroVida.

Indique esse artigo Indique esse artigo

Veja Também:

5 Comentários »

  1. cris santiago dá seu palpite,

    maio 1, 2011 @ 13:18

    gostei muito ….. sou enfermeira e me ajudou muito . tbem trabalho com idosos que e muito comum.

  2. Wanda Patrocinio dá seu palpite,

    maio 4, 2011 @ 21:37

    Boa noite Cris!

    Obrigada!
    Ficamos felizes que nosso blog tenha te auxiliado.

    Abraço,
    Wanda.

  3. Mazinho dá seu palpite,

    junho 2, 2012 @ 18:02

    Boa noite,

    Descobri que estou com herpes circinado, procurei ajuda e iniciei tratamento hoje.
    Tenho fé em Deus que tudo dará certo para me livrar deste mal estar, é um desconforto total, além de coçar muito, arde, doi, sem falar na irritação e a situação incômoda.
    Grande abraço a todos.
    Mazinho.

  4. graci dá seu palpite,

    maio 17, 2013 @ 20:04

    gostaria de saber como é o tratamento para herpes zoster com óleo de copaíba.

  5. Wanda Patrocinio dá seu palpite,

    maio 5, 2014 @ 9:55

    Olá Mazinho!

    Esperamos que já tenha se curado do Herpes.

    Abraço,
    Wanda.

RSS Feed for comments on this post · TrackBack URI

Por favor, Deixe um comentário aqui !