Tétano

7/08/2014 - 9:05 Por:

Categoria(s): Terapias Complementares

Tétano

 tétanoÉ doença infecciosa causada por uma bactéria que, geralmente, entra por ferimentos que ocorrem em nosso corpo.

 Causas:

Рmat̩rias estranhas acumuladas no organismo, sobretudo nos intestinos, as quais entram em fermenta̤̣o preparando o terreno para infec̤̣o com o bacilo de Nicolaier;

– falta de higiene;

Рa entrada do bacilo tet̢nico pode acontecer com qualquer ferimento ocasionado com prego enferrujado, lata, arame, agulha, mordida de animal, etc. Por esses ferimentos entram as bact̩rias que fazem todo o estrago.

 Sintomas

– endurecimento do queixo e músculos do pescoço e rosto. Mais ou menos uma semana depois da entrada do bacilo tetânico no ferimento, que dói muito;

Рdor de cabe̤a, calafrios e febre forte;

Рo sistema nervoso e a coluna ṣo muito agredidos a tal ponto que podem paralisar membros inferiores e superiores;

Рconvulṣo violenta;

Рa pessoa ṇo suporta nenhum barulho, o qual pode ocasionar contra̵̤es musculares e espasmo;

Quem foi vacinado contra o tétano costuma ser afetado pelas bactérias do tétano, mas não se desenvolve o tétano como tal.

 Tratamento:

Descrevemos abaixo alguns tratamentos indicados pelo autor:

– em primeiro lugar combater a forte febre interna;

– aplicar argila misturada com o chá de cipó-mil-homens sobre o local do ferimento e sobre os intestinos;

– lavar bem as feridas com água e sabão ou cozimento de cavalinha e tansagem;

– tomar bastante água natural, suco de limão e sucos naturais de frutas e verduras;

– comer somente frutas e verduras frescas, raízes e batatas;

– plantas indicadas: carobinha do campo, cipó-açougue, cipó-mil-homens; cipó-suma, cordão de frade, entre outras.

Do livro “Existem doenças incuráveis?”, de Jaime Brüning, 2003, p. 268-269.

Caro leitor, nosso blog se preocupa com a saúde e o bem estar de todas as pessoas. Desenvolvemos um trabalho na área de terapias complementares, porém gostaríamos de salientar que qualquer tratamento aqui sugerido não dispensa uma orientação médica ou qualquer orientação na área que você esteja precisando. Isto significa que os tratamentos com argila terapêutica e outros devem complementar o tratamento já realizado, mantendo sempre o acompanhamento médico. Além disto, sugerimos que aquelas pessoas que já estão em tratamento e que resolvam usar algum tratamento complementar, que comuniquem o profissional que acompanha seu caso.

Atenciosamente,
Equipe GeroVida

 OBS. 1: Não realizamos orientações de tratamentos à distância. O ideal é procurar um terapeuta pessoalmente para receber as informações para o seu caso e depois será possível dar seguimento ao tratamento em sua residência.

OBS. 2: Damos cursos à distância sobre terapias complementares e gerontologia. Os interessados deverão acessar o link:

http://www.gerovida.com.br/gerontologia/produto/cursos/curso-argila-terapeutica.htm

Conheça o Facebook da GeroVida em:

https://www.facebook.com/GeroVida

Curta, compartilhe, comente!

Indique esse artigo Indique esse artigo

Tags: , , ,

Veja Também:

Por favor, Deixe um comentário aqui !