Ervas Medicinais – Crajiru Pariri

20/10/2017 - 10:36 Por:

Categoria(s): Curiosidades, Dicas, Ervas Medicinais, Qualidade de Vida

 

Ol√° Pessoal!

Hoje vamos falar dos benefícios do Crajiru Pariri

Nome científico: Arrabidaea chica

√Č uma planta com poder de cura alt√≠ssimo. Pode-se usar a planta toda.

¬†Indica√ß√Ķes: √© excelente para combater c√Ęncer, toda esp√©cie de herpes e infec√ß√Ķes, colites, √ļlceras, gastrite, anemia e boa para prostatite.

Contra indicação: nenhuma

Poder curativo: é de 60%

Sua toxidez: baixa.

Fonte: Livro ‚ÄúExistem doen√ßas incur√°veis?‚ÄĚ, de Jaime Br√ľning, 2003, p.106.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida

Curta, compartilhe, comente!

Tags: , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

Contar Histórias

17/10/2017 - 12:38 Por:

Categoria(s): Curiosidades, Dicas, Educação, Reflexão

A dica de hoje da GeroVida faz bem tanto para quem conta, quanto para quem ouve a história!

Estimula a memória;
Instiga a criatividade;
Fomenta a imaginação;
Aguça a atenção;
Aprimora a linguagem;
Melhora a habilidade de escuta;
Promove a sociabilização;

Então vamos ler e contar histórias para todos.

Tem alguma história que marcou a sua vida? Compartilhe conosco!

Conheça o Facebook da GeroVida.

Curta, compartilhe, comente!

Tags: , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

Alongamentos musculares para idosos

29/09/2017 - 15:53 Por:

Categoria(s): Curiosidades, Dicas, Gerontologia, Qualidade de Vida

 

O alongamento é uma atividade muito benéfica para o idoso, pois esse exercício busca a manutenção e o desenvolvimento de uma capacidade física específica: a flexibilidade, já que ela ajuda a melhorar a amplitude articular.

Quando realizado antes da atividade f√≠sica, al√©m de prevenir les√Ķes, prepara o organismo para um posterior esfor√ßo, pois dispersa o √°cido l√°ctico, decorrente da mesma, bem como oxigena a musculatura. √Ācido l√°ctico √© uma subst√Ęncia que o organismo produz ap√≥s a pr√°tica de uma atividade f√≠sica e que ir√° provocar uma inc√īmoda dor muscular.

A diminui√ß√£o da amplitude de movimentos a partir de um aspecto articular e muscular, promove uma diminui√ß√£o da flexibilidade em diversas partes do corpo do idoso, ocasionando os desvios posturais e aumentando o risco de les√Ķes por quedas.

Sabe-se que uma queda para o idoso muitas vezes pode ser fatal, j√° que a necessidade da imobiliza√ß√£o na cama devido a uma fratura √© muito ruim para essa faixa et√°ria, pois muitas complica√ß√Ķes podem ocorrer, como pneumonias e tromboses. Mesmo ap√≥s a reabilita√ß√£o de uma fratura, podem ocorrer sequelas e a regi√£o afetada nunca mais ser√° a mesma.

Imagine um idoso tentando pegar algo embaixo de um móvel e por não ter uma boa flexibilidade, é obrigado a assumir posturas inadequadas e com menor equilíbrio, ficando extremamente suscetível a quedas. Um intenso trabalho de exercícios de alongamento pode agir de modo preventivo nesse caso.

Os idosos devem realizar um trabalho de alongamento geral, j√° que com o avan√ßo da idade pode haver um decl√≠nio geral da flexibilidade e o aparecimento de in√ļmeras retra√ß√Ķes musculares.

Mais uma vez alguns cuidados devem ser levados em conta:

  • Fazer uma pesquisa antes, para saber se o idoso possui alguma impossibilidade devido a alguma patologia (doen√ßa) instalada;
  • N√£o permitir que o idoso realize exerc√≠cios em apneia;
  • Tomar cuidado com algumas posturas, para evitar quedas;
  • Sempre ser claro nas explica√ß√Ķes.

E acima de tudo, realizar qualquer atividade com prazer e divers√£o, pois com certeza o resultado ser√° muito mais significativo!

Fonte: Portal Educação

Contribuição enviada por Daliane Batista Cardoso*

* Educadora física, parceira da GeroVida no envio de artigos para o blog.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida

Curta, compartilhe, comente!

Tags: , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

Coro-onha ou olho de boi

25/09/2017 - 15:40 Por:

Categoria(s): Curiosidades, Dicas, Ervas Medicinais, Terapias Complementares

Ol√° Pessoal !

Hoje vamos falar dos benefícios do Coro-onha ou olho de boi

Nome científico: Mucuna altissima

√Č altamente t√≥xica, por isso s√≥ se pode usar um grama de semente por dia, isto corresponde mais ou menos a uma pontinha de faca ou uma m√≠nima pitada. Despeja-se √°gua fervente, deixar por 10 minutos coar aos poucos uma x√≠cara por dia de ch√°.

Indica√ß√Ķes: √Č boa para evitar e remover os defeitos do derrame

Contra-indicação: para problemas cardíacos e renais.

Poder curativo: é de 18%

Sua toxidez: 40%.

Fonte: Livro ‚ÄúExistem doen√ßas incur√°veis?‚ÄĚ, de Jaime Br√ľning, 2003, p.106.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida

Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

Uma pergunta por dia!

19/09/2017 - 17:27 Por:

Categoria(s): Arte, Dicas, Reflex√£o, Sugest√£o de leituras

Ol√° Pessoal!
Todos os dias criamos uma imensa quantidade de registros em celulares, redes sociais e aplicativos. No entanto, quase nunca temos o hábito de retornar a eles. Às vezes podem parecer só besteiras, mas quantos desses relatos não mostrariam nosso crescimento e nossas mudanças em todos esses anos?
O livro “Uma pergunta por dia” convida voc√™ a registrar suas respostas a uma variedade de quest√Ķes, das mais simples √†s mais complicadas, como ‚ÄúPara onde voc√™ quer fazer sua pr√≥xima viagem?‚ÄĚ ou ‚ÄúEscreva a primeira linha da sua autobiografia‚ÄĚ. Em cada p√°gina h√° espa√ßo para cinco respostas, uma por ano, ao longo de cinco anos. Com o passar do tempo, quando voltar a um dia j√° anotado, o dono do di√°rio encontrar√° seus pensamentos anteriores, num exerc√≠cio divertido e construtivo de recordar e refletir.
Depois das primeiras p√°ginas fica imposs√≠vel parar, e as possibilidades s√£o infinitas …. redescubra a cada p√°gina um novo eu.¬†Autor: Potter Style¬†Boa Leitura!!!

Tags: , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

Conheça o novo curso da GeroVida!

5/09/2017 - 15:21 Por:

Categoria(s): Cursos, Educação, Gerontologia, Qualidade de Vida

Tags: , , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

Formas de execu√ß√£o de alongamento muscular e contraindica√ß√Ķes

31/08/2017 - 11:33 Por:

Categoria(s): Dicas, Doen√ßas e problemas de sa√ļde, Qualidade de Vida

√Č f√°cil aprender a fazer alongamentos, mas como todo exerc√≠cio f√≠sico, necessita de cuidados e aten√ß√£o em sua execu√ß√£o.

Curiosidade!

Procure ir a um parque em qualquer per√≠odo do dia, com certeza voc√™ ver√° muitas pessoas realizando os mais variados exerc√≠cios f√≠sicos e dentre eles os chamados ‚Äúalongamentos‚ÄĚ. Infelizmente, devido a uma m√° ou total falta de orienta√ß√£o, esses exerc√≠cios na maioria das vezes s√£o feitos de maneira inadequada, n√£o produzindo nenhum efeito ou ainda pior, colocando em risco a integridade f√≠sica de seus praticantes.

O modo certo √© alongar relaxando em um movimento inst√°vel, ao mesmo tempo em que a aten√ß√£o se focaliza sobre os m√ļsculos que est√£o sendo alongados.

O modo errado é balançar-se para cima e para baixo, ou alongar-se até sentir dor, causando mais danos do que benefícios.

Para realizarmos os exercícios de alongamento corretamente é necessário seguir alguns preceitos:

  • O movimento deve ser longo e est√°vel, ao mesmo tempo em que sua aten√ß√£o permanece focalizada sobre os m√ļsculos que est√£o sendo trabalhados;
  • Ao atingir o limite de seus movimentos, pare e mantenha cada posi√ß√£o por um tempo aproximado de 10 a 20 segundos. √Č errado e perigoso balan√ßar-se para for√ßar o limite do m√ļsculo e along√°-lo at√© sentir dor;
  • Saia de cada posi√ß√£o de alongamento bem devagar, procurando relaxar completamente;

Encerre o trabalho procurando soltar bem todos os m√ļsculos que foram alongados.

Em rela√ß√£o √†s contraindica√ß√Ķes, elas s√£o inexistentes. O que existe s√£o recomenda√ß√Ķes de acordo com a condi√ß√£o f√≠sica da pessoa.

Sendo assim, você estará apto para realizar qualquer alongamento desde que seja devidamente orientado por um profissional qualificado, educador físico ou fisioterapeuta.

Fonte: Portal Educação

Contribuição enviada por Daliane Batista Cardoso*

* Educadora física, parceira da GeroVida no envio de artigos para o blog.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida

Curta, compartilhe, comente!

Tags: , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

Previdência Corporal: Como vai a sua?

22/08/2017 - 14:42 Por:

Categoria(s): Dicas, Doen√ßas e problemas de sa√ļde, Gerontologia, Qualidade de Vida, Reflex√£o, Sem categoria

Estamos todos preocupados com a situação da Previdência Social e não é por menos, nosso futuro está em jogo. Como podemos ficar sossegados e tranquilos com um futuro tão incerto e numa fase da vida onde podemos estar mais vulneráveis? Investir financeiramente no futuro é essencial para alcançarmos um longeviver mais seguro e pleno, onde possamos continuar aproveitando a vida como almejamos. Cada vez mais, os jovens se preocupam em investir na previdência social ou privada, guardar na poupança para o futuro, investir em algo que garanta alguma segurança para a velhice. Vamos pensar agora na nossa Previdência Corporal, como andam seus investimentos?
√Č fato que as pessoas est√£o mais consciente sobre a import√Ęncia da pr√°tica de atividade f√≠sica e da alimenta√ß√£o saud√°vel. Basta acessarmos qualquer rede social que teremos dicas de como ter um estilo de vida mais saud√°vel. Mas a quest√£o n√£o √© essa.
Quando investimos nosso dinheiro em algum fundo, o primeiro passo √© ‚ÄúTra√ßar o nosso perfil‚ÄĚ como investidor. Podemos ser mais ‚Äúconservadores ou mais arrojados‚ÄĚ, assumindo mais riscos de perdas futuras. Traduzindo isso para nossa dimens√£o corporal, o ideal seria que tamb√©m tra√ß√°ssemos nosso ‚Äúperfil‚ÄĚ para adequarmos nosso estilo de vida, que √© influenciado pela nossa cultura, valores, possibilidades financeiras, nossos gostos pessoais, ambiente em que vivemos, nossas necessidades espec√≠ficas etc., para a√≠ sim, optarmos pelo investimento mais adequado. A imposi√ß√£o por estilos de vida pr√© moldados socialmente n√£o funciona para todos. √Č preciso que fa√ßa sentido, que proporcione bem estar, seguran√ßa e a certeza de que estamos fazendo algo por n√≥s mesmos, e n√£o apenas respondendo a anseios sociais de ‚ÄúCorpo sarado e magro‚ÄĚ.
Meu av√ī ultrapassou os 90 anos sem nunca ter entrado numa academia e como bom portugu√™s, teve em sua dieta muito vinho, sardinha, p√£o e batatas. Nunca esteve acima do peso. Sua previd√™ncia corporal recebeu investimentos na √°rea da agricultura, quando ele morava no s√≠tio e com a enxada, cuidava da Horta. Subia e descia morros‚Ķ cuidava dos c√£es. Acredito que tenha sido um belo investimento. A minha av√≥ beirou os 90 e analisando seu perfil percebo que ela investiu muito nas amizades, nas atividade manuais (bel√≠ssimos bordados portugueses dos quais se orgulhava muito), muita bacalhoada‚Ķ amava passear, caminhar. Eu precisava correr para alcan√ßar a passada dela‚Ķ Tamb√©m investiu bastante em atividades religiosas, era mulher de muita F√©.
Estes s√£o exemplos de investimentos de ‚ÄúPrevid√™ncia Corporal‚ÄĚ que levo comigo. Quando pensamos em ‚ÄúSa√ļde Corporal‚ÄĚ n√£o devemos desmembrar o Corpo e mente. Nosso corpo funciona bem se estamos mentalmente saud√°veis e vice versa. Investir em sa√ļde n√£o pode ser apenas matricular-se numa academia e cortar o gl√ļten. Estamos errando nesse ponto. Antes de tudo, devemos nos perguntar ‚Äúonde queremos investir?‚ÄĚ. O que realmente pode nos fazer bem? Como contribuir com o presente e colher no futuro? Essa reflex√£o deve ser individualizada e sofrer a menor influ√™ncia poss√≠vel da ‚Äúm√≠dia ou da moda‚ÄĚ. Deve respeitar quem realmente somos e, assim, conquistar resultados eficazes e duradouros. Cuidar da nossa sa√ļde hoje, preparando a reserva de amanh√£ significa ter um corpo forte, com m√ļsculos e articula√ß√Ķes saud√°veis.
Cuidar da alimenta√ß√£o significa ter uma boa rela√ß√£o com o que se come. Cuidar da mente significa equilibrar as emo√ß√Ķes, as vontades, as ang√ļstias‚Ķ e devemos buscar a resposta do ‚Äúcomo fazer‚ÄĚ em n√≥s mesmos. Vamos lembrar sempre que ‚ÄúN√≥s envelhecemos da maneira que vivemos‚ÄĚ e a melhor maneira de cuidar da nossa longevidade √© cuidar do nosso presente.

Gabriela C. de A. Goldstein
Fisioterapeuta da Unidade de Refer√™ncia em Sa√ļde do Idoso PMSP – OS ACSC. Mestre em Ci√™ncias pela USP, especialista em Fisiologia e Biomec√Ęnica do Aparelho Locomotor pelo IOT- FMUSP e especialista em Gerontologia Social pela PUC-SP.

Fonte: http://www.portaldoenvelhecimento.com.br/previdencia-corporal-como-vai-a-sua/

Curta! Compartilhe! Comente! acesse o nosso site http://gerovida.com.br/

Tags: , , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

O que é flexibilidade?

27/07/2017 - 14:13 Por:

Categoria(s): Dicas, Gerontologia, Qualidade de Vida, Reflex√£o

O que é flexibilidade?

A flexibilidade √© a capacidade de realizar movimentos em certas articula√ß√Ķes com apropriada amplitude de movimento. Em situa√ß√Ķes pr√°ticas h√° a distin√ß√£o entre:

Flexibilidade estática: é o caso do espacato em Ginástica Artística, ou seja, uma pessoa realiza uma abertura total das pernas apenas com o apoio do solo.

Flexibilidade ativa: é onde há influências de forças externas.

A flexibilidade é considerada por muitos autores como uma capacidade física mista, ou seja, capacidade física coordenativa, na qual exige grande participação do sistema nervoso central e capacidade física condicional, que se refere à capacidade de ser treinável.

A flexibilidade também é considerada uma capacidade física do ser humano que condiciona a obtenção de grande amplitude articular, durante a execução dos movimentos. Ou seja, o quanto que a sua articulação pode movimentar.

Por exemplo, quando uma dona de casa necessita pegar algo embaixo do sof√° ela necessita utilizar toda a sua flexibilidade, alongando os m√ļsculos das costas e da parte posterior das pernas. Essa mesma flexibilidade √© utilizada quando ela vai estender a roupa em um varal, j√° que a articula√ß√£o do ombro faz com que o bra√ßo se eleve e os m√ļsculos s√£o obrigados a se estenderem.

Atenção!

O estudo da flexibilidade, como uma das capacidades f√≠sicas, √© de crucial import√Ęncia para diversos esportes bem como para o condicionamento f√≠sico de sedent√°rios. Deve-se levar em conta, em todos os casos, que a flexibilidade de uma pessoa √© vari√°vel, de acordo com seus h√°bitos e estrutura corporal e que essas diferen√ßas devem ser respeitadas para que os benef√≠cios da flexibilidade atuem de forma global no desenvolvimento do indiv√≠duo.

Agora vamos conhecer as classifica√ß√Ķes da flexibilidade.

Podemos classificar a flexibilidade quanto √† sua abrang√™ncia e articula√ß√Ķes envolvidas.

Quanto à sua abrangência temos:

  1. a) Flexibilidade geral: observada em todos os movimentos de uma pessoa englobando as suas articula√ß√Ķes (juntas);
  2. b) Flexibilidade espec√≠fica: refere-se a um ou alguns movimentos realizados em determinadas articula√ß√Ķes (juntas).

Agora conheceremos a classifica√ß√£o da flexibilidade quanto √†s articula√ß√Ķes envolvidas:

  1. a) Flexibilidade simples: a√ß√£o articular em uma √ļnica articula√ß√£o;
  2. b) Flexibilidade composta: quando o movimento envolve mais de uma articulação.

Fonte: Portal Educação

Contribuição enviada por Daliane Batista Cardoso*

* Educadora física, parceira da GeroVida no envio de artigos para o blog.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida

Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

Acreditar

22/07/2017 - 9:47 Por:

Categoria(s): Dicas, Qualidade de Vida

Tags: , , ,


Veja Também:

Coment√°rios     Indique esse artigo Indique esse artigo

P√°gina 1 de 212