Feliz 2016!!!

28/12/2015 - 16:10 Por:

Categoria(s): Reflexão

A GeroVida fará um pequeno recesso do dia 29/12 ao dia 03/01.

Passamos para desejar a todos uma excelente passagem de ano!!! E que 2016 seja, simplesmente, maravilhoso para cada um de vocês!!!

Abraço, Equipe GeroVida.

anonovo

Tags: , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Dicas para meditar

21/12/2015 - 8:53 Por:

Categoria(s): Qualidade de Vida

Contribuição enviada por Daliane Batista Cardoso*

meditacaoLeia algumas dicas que vão te ajudar a mergulhar no fascinante mundo da meditação:

Se familiarize
“A meditação começa pelo relaxamento, permitindo que tudo se torne tranquilo. Portanto, buscar se familiarizar com técnicas de relaxamento é uma boa estratégia para começar”, diz Claudio Mendes Moraes, Instrutor de Meditação do Instituto Nyingma do Rio de Janeiro.
“Comece a prática com a leitura de um bom livro a respeito, mas um bom livro mesmo, e não estes manuais práticos que não possibilitam uma motivação verdadeira para um processo de busca e transformação pessoal. Minhas sugestões: A Arte da Felicidade (Dalai Lama, Howard Cuttler), Transformação e Cura (Thich Nhat Hanh), Paz a Cada Passo (Thich Nhat Hanh), Autoperfeição com Hatha Yoga (Hermógenes) e Yoga para Nervosos (Hermógenes)”, diz Vitor Caruso Jr.

A meditação sentada
“Conte as respirações. Diga mentalmente “um” na inspiração, e depois “um” na expiração. Depois “dois” e “dois”. Se perder a contagem voltar para o um. Quando conseguir chegar até 10, pode voltar ao começo. É uma forma da pessoa não se perder demais no início da prática e auxiliar a pessoa a conseguir fixar sua atenção na respiração”, ensina Leonardo Dobbin da Sangha Viver Consciente.

A meditação caminhando
“Preste atenção em cada passo que se dá e sincronizar a respiração com os passos. Normalmente para iniciantes é mais fácil por que não precisa ficar imóvel por muito tempo”, diz Leonardo.

Medite mais de uma vez por dia
“Vinte minutos duas vezes ao dia é o que as pesquisas indicam para obter ganhos em nossa saúde física e mental”, ensina Sandra Rosenfeld.

Saiba que não é preciso ter religião para praticar
“É preciso sim, diligência e esforço, e não é necessário acreditar em dogmas ou sistemas de crenças” (Leonardo Dobbin).

Não lute quando os pensamentos surgirem
“Apenas deixe que passem sem se envolver com eles” (Sandra Rosenfeld).

Deixe a produtividade de lado por um momento
“Disciplinamos-nos a fazer, mais e mais rápido. Chegamos ao ponto de acharmos que não podemos fazer de outro jeito. Pare com a listas de atividades de coisas a fazer” (Vitor Caruso Jr.).

Saiba que não há nenhum lugar a ser alcançado
“A dificuldade talvez esteja no fato da pessoa acreditar que tem que sentar e necessariamente fazer alguma coisa ou chegar a algum lugar. Como parar de pensar, por exemplo, que é o quê muitos creem. Isto pode se tornar um obstáculo” (Claudio Mendes Moraes )

Fonte: Site Bem Estar (28/07/2010)
* Educadora física, parceira da GeroVida no envio de artigos para o blog.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Assim eu vejo a vida (Cora Coralina)

7/12/2015 - 9:20 Por:

Categoria(s): Poesia

vida_obstaculos

Assim eu vejo a vida

A vida tem duas faces:
Positiva e negativa
O passado foi duro
mas deixou o seu legado
Saber viver é a grande sabedoria
Que eu possa dignificar
Minha condição de mulher,
Aceitar suas limitações
E me fazer pedra de segurança
dos valores que vão desmoronando.
Nasci em tempos rudes
Aceitei contradições
lutas e pedras
como lições de vida
e delas me sirvo
Aprendi a viver.

(Cora Coralina)

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Atitude

6/11/2015 - 10:06 Por:

Categoria(s): Poesia

olhar-estrelas

Minha esperança perdeu seu nome…

Fechei meu sonho, para chamá-la.
A tristeza transfigurou-me
como o luar que entra numa sala.

O último passo do destino
parará sem forma funesta,
e a noite oscilará como um dourado sino
derramando flores de festa.

Meus olhos estarão sobre espelhos, pensando
nos caminhos que existem dentro das coisas transparentes.

E um campo de estrelas irá brotando
atrás das lembranças ardentes.

(Cecília Meireles)
in ‘Viagem’

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Momento de beleza vivido

2/10/2015 - 10:20 Por:

Categoria(s): Poesia, Reflexão

estacoesarvore

Compreendi, então,
que a vida não é uma sonata
que, para realizar a sua beleza,
tem de ser tocada até o fim.
Dei-me conta, ao contrário,
de que a vida é um álbum de mini-sonatas.
Cada momento de beleza vivido e amado,
por efêmero que seja,
é uma experiência completa
que está destinada à eternidade.
Um único momento de beleza e amor
justifica a vida inteira.

(Rubem Alves)

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Esperança

31/07/2015 - 11:24 Por:

Categoria(s): Arte, Poesia, Reflexão, Sem categoria

Esperança

esperanca

Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano
Vive uma louca chamada Esperança
E ela pensa que quando todas as sirenas
Todas as buzinas
Todos os reco-recos tocarem
Atira-se
E
— ó delicioso vôo!
Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada,
Outra vez criança…
E em torno dela indagará o povo:
— Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?
E ela lhes dirá
(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)
Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:
— O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA…

(Mário Quintana)

Texto extraído do livro “Nova Antologia Poética”, Editora Globo – São Paulo, 1998, pág. 118.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

A invenção de um modo

1/07/2015 - 11:01 Por:

Categoria(s): Poesia, Reflexão, Sem categoria

A invenção de um modo

idosacaminhando

Entre paciência e fama quero as duas,
pra envelhecer vergada de motivos.
Imito o andar das velhas de cadeiras duras
e se me surpreendem, explico cheia de verdade:
tô ensaiando. Ninguém acredita
e eu ganho uma hora de juventude.
Quis fazer uma saia longa pra ficar em casa,
a menina disse: “Ora, isso é pras mulheres de São Paulo”
Fico entre montanhas,
entre guarda e vã,
entre branco e branco,
lentes pra proteger de reverberações.
Explicação é para o corpo do morto,
de sua alma eu sei.
Estátua na Igreja e Praça
quero extremada as duas.
Por isso é que eu prevarico e me apanham chorando,
vendo televisão,
ou tirando sorte com quem vou casar.
Porque que tudo que invento já foi dito
nos dois livros que eu li:
as escrituras de Deus,
as escrituras de João.
Tudo é Bíblias. Tudo é Grande Sertão.

(Adélia Prado)

Conheça o Facebook da GeroVida em ttps://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Soliḍo РClarice Lispector

1/06/2015 - 10:30 Por:

Categoria(s): Poesia, Reflexão

Solidão

solidao

Que minha solidão me sirva de companhia.
Que eu tenha a coragem de me enfrentar.
Que eu saiba ficar com o nada
E mesmo assim
Me sentir como se estivesse plena de tudo.

(Clarice Lispector)

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Aus̻ncia РCarlos Drummond de Andrade

30/04/2015 - 8:28 Por:

Categoria(s): Poesia, Reflexão

Ausência

eu

Por muito tempo achei que a ausência é falta.
E lastimava, ignorante, a falta.
Hoje não a lastimo.
Não há falta na ausência.
A ausência é um estar em mim.
E sinto-a, branca, tão pegada, aconchegada nos meus braços,
que rio e danço e invento exclamações alegres,
porque a ausência, essa ausência assimilada,
ninguém a rouba mais de mim.

(Carlos Drummond de Andrade)

ANDRADE, C. D. Obra poética, Volumes 4-6. Lisboa: Publicações Europa-América, 1989.

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Timidez

12/12/2014 - 8:06 Por:

Categoria(s): Poesia

felicidade

Basta-me um pequeno gesto,
feito de longe e de leve,
para que venhas comigo
e eu para sempre te leve…

— mas só esse eu não farei.

Uma palavra caída
das montanhas dos instantes
desmancha todos os mares
e une as terras mais distantes…

— palavra que não direi.

Para que tu me adivinhes,
entre os ventos taciturnos,
apago meus pensamentos,
ponho vestidos noturnos,

— que amargamente inventei.

E, enquanto não me descobres,
os mundos vão navegando
nos ares certos do tempo,
até não se sabe quando…

— e um dia me acabarei.

(Cecília Meireles, in ‘Viagem’)

Conheça o Facebook da GeroVida em https://www.facebook.com/GeroVida
Curta, compartilhe, comente!

Tags: , , ,


Veja Também:

Comentários     Indique esse artigo Indique esse artigo

Página 5 de 7« Primeira página...34567